sábado, 25 de maio de 2013

ATENDENTE DE LANCHONETE


Na área de hotelaria
Digo nesse meu poema
Que sem muito problema
Já estou em nostalgia
Faltando-me a alegria
Pois esse curso vai acabar
Mas posso lhe afirmar
Que foi muito proveitoso
Tudo muito gostoso
Só a saudade vou levar

Agradecemos ao coordenador
Nesse exato momento
Fica em nós o sentimento
Ao amigo Bartô
Com muito amor
A Fabiana vou dedicar
Que dela vou me lembrar
Nesse curso magistral
Por isso foi especial
No coração vou guardar

Na parte da teoria
Falo nessa minha rima
Professora Helen Lima
Com toda simpatia
Mostrou-nos com alegria
Tudo sobre a nutrição
O Vagner França então
Veio com ética pessoal
Foi tudo muito legal
Agradecemos de coração

Ainda na teoria
Carla França apareceu
E muita coisa se aprendeu
 Falo com muita alegria
Que toda a simpatia
Dela eu vou guardar
Para sempre vou me lembrar
Desse alguém especial
Isso que falo é pessoal
E espero sua amizade contar

Na lanchonete começou
Toda prática que precisávamos
Para sempre praticarmos
Tudo que o professor falou
E que tudo aqui ficou
Foi o nosso conhecimento
Pois os monitores nesse momento
Sabiamente nos orientou

Vicente muito atencioso
Na lanchonete nos orienta
Quando a tensão aumenta
E vemos tudo perigoso
Mas foi muito gostoso
Mas Advaldo vem nos orientar
Mas pra tudo se acalmar
Alexandre é presença certa
E assim agimos de maneira correta
Para bem nos formar

Pela tardinha Adriano nos orienta
E Débora com sua simpatia
Nos mostra a harmonia
E que nos ajudar sempre tenta
Mas o que a gente agüenta
Pois  pensando no nosso futuro
Que será bom eu juro
Que estaremos qualificados
E muito bem preparados
E o azar eu desconjuro

No caixa temos o Brito
Uma pessoa de valor
Que é um bom tricolor
Que nele acredito
Que ele faz grande um agito
Quando joga o Santa Cruz
Torna-se um aí Jesus
Mas é um cara especial
Que ajuda ao pessoal
Que a lanchonete conduz

Marcílio competente
Está sempre a nos ajudar
Para que possamos galgar
A profissão decentemente
E falo coerentemente
Em Alcione e Alcina
São dois nomes de meninas
Mas são mulheres dedicadas
Que trabalham esforçadas
E com muita disciplina.
Como pude esquecer

Ao chegar aqui lembrei
Desse amigo que conquistei
Mas agora vou dizer
Nesse verso pode crer
O seu nome vou falar
É o amigo Iliomar
Deixo minha gratidão
Receba um aperto de mão
Do amigo que estar

Conosco também anda
Duas jovens dedicadas
Também muito educadas
Uma se chama Fernanda
Na lanchonete quem comanda
A Jéssica é presença certa
Uma pessoa correta
E cheia de muita atenção
Falo com exatidão
Que ela sempre está alerta

Na classe vou enumerar
Tem a paulista italiana
Que quase nunca se engana
E quer o curso terminar
Edjanete é como se deve chamar
De Camaragibe a Aline ta na lista
E a Jaqueline da cidade de Paulista
Manoela e Ana Lúcia também estão
Dentro do meu coração
Dessa minha nova conquista

Seguiremos sempre sorrindo
Aos amigos abraçando
A amizade aumentando
Fazendo falta ferindo
Saudade sempre sentindo
Levarei lindas lembranças
Com coração criança
Abraço ao amigo amorosamente
Caro colegas carinhosamente
Espero efervente   esperança 

Se esqueci alguém falar
Peço agora meu perdão
Pois são muitos cidadãos
Que pude aqui encontrar
Saudades vou levar
Por toda eternidade
Será forte a amizade
Que aqui conquistei
Sozinho seguirei
Sem a vossas companhias
Mas com muita alegria
De tudo que alcancei.

Israel Batista

Recife 24/05/13

lida ontem no último dia do curso de atendente de lanchonete no SENAC Recife

2 comentários:

  1. Estou alegre por encontrar blogs como o seu, ao ler algumas coisas,
    reparei que tem aqui um bom blog, feito com carinho,
    Posso dizer que gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns,
    decerto que virei aqui mais vezes.
    Sou António Batalha.
    Que lhe deseja muitas felicidade e saúde em toda a sua casa.
    PS.Se desejar visite O Peregrino E Servo, e se o desejar
    siga, mas só se gostar, eu vou retribuir seguindo também o seu.

    ResponderExcluir